6 estratégias de gestão de logística no e-commerce

atualizado em

Depois que o cliente compra um produto pela internet, o que ele mais deseja é receber a compra em casa. Por esse motivo, todo gestor de e-commerce precisa focar na qualidade da operação logística. Você também precisa de ajuda com a gestão de logística no e-commerce? Nós temos muitas dicas!

A logística é mesmo um dos maiores desafios no e-commerce. Sendo assim, um planejamento rigoroso, para cada etapa do processo, precisa ser formulado. Como resultado, sua loja virtual vai conquistar e fidelizar mais clientes.

Isso mesmo! Aprimorar a logística do seu e-commerce pode impactar diretamente na performance e sucesso do negócio. Isso porque tarefas que otimizam o controle de estoque e o transporte das mercadorias ajudam a empresa a atender às necessidades do público. Além disso, trazem mais eficiência para a gestão empresarial.

Embora seja reconhecidamente importante no contexto das empresas, a logística ainda gera dúvidas para donos de e-commerce. Por isso, uma de suas tarefas é dominar os princípios mais importantes e definir as estratégias ideais para a gestão de logística no e-commerce.

Quer aprender a organizar e planejar as entregas de forma eficiente? Siga a leitura, vamos ajudá-lo a chegar lá!

6 estratégias de gestão de logística no e-commerce

#1 Estruture o fluxo logístico

Quer ter sucesso com uma loja virtual? Então, cuide muito bem da armazenagem, expedição e entrega de mercadorias. Você também terá que conhecer as tendências do mercado e monitorar as vendas feitas na empresa. 

Depois que tiver essas informações levantadas, é possível definir o que funciona melhor para o fluxo logístico da empresa, em termos de demanda, estoque e deslocamento da mercadoria.

 

#2 Negocie com as transportadoras

Negociar preços é outra questão essencial. Quantos mais envios a empresa faz, menos deve pagar. Se não está enviando um volume considerável para ter uma taxa mais competitiva, a alternativa é prever o volume de entregas, considerando a projeção das vendas. 

Algumas transportadoras oferecem um certo desconto quando sabem que a parceria vai continuar conforme o volume da empresa ganhar mais robustez.

Nossa dica é: aproveite os descontos de entrega e repasse o dinheiro economizado para investir em campanhas de marketing no seu e-commerce. Com isso, é possível aumentar as vendas e manter os preços em um patamar mais baixo por mais tempo. Se não adotar uma estratégia como essas, os preços do transporte tendem a subir.

 

#3 Ofereça frete grátis com valor mínimo

A dificuldade também pode trazer oportunidades. Alguns usuários, depois de visitar sua loja virtual e adicionar produtos ao carrinho, podem abandoná-lo sem mais nem menos. Nesse caso, uma das possibilidades é que o frete tenha subido demais. 

Por isso, outra importante artimanha na gestão de logística no e-commerce é oferecer frete grátis sob algumas condições. Essa é uma excelente maneira de contornar algumas desistências e até de atrair novos clientes.

Mesmo que a empresa esteja assumindo parte do custo da entrega, o ticket médio de compra dos pedidos vai subir, compensando a diferença no frete. 

Antes de começar com frete grátis, no entanto, é preciso analisar bem as margens dos seus produtos e mapear as regiões em que é possível abrir o frete grátis. Talvez você defina um valor mínimo para entregas na região ou para produtos com alto valor agregado.

Também é possível trabalhar com frete grátis em outros cenários, como em períodos específicos para apoiar campanhas sazonais, tudo isso a fim de gerar mais vendas. 

Outra alternativa é oferecer frete grátis aos membros do programa de fidelidade. Se a empresa não tem um, estude a possibilidade de criá-lo. Além disso, é interessante aproveitar e coletar informações importantes do usuário e, na melhor hora, anunciar novas promoções.

Quando começar a oferecer frete grátis, faça o cliente se inscrever e/ou participar de campanhas nas redes sociais ou enviadas por e-mail. Como resultado, fica mais fácil segmentar clientes nas futuras promoções e lançamentos.

 

#4 Tenha uma logística reversa

A logística reversa é outro aspecto chave da gestão de logística no e-commerce. Ela diz respeito aos pedidos de troca ou devolução de produtos.

Utilizando esse processo, seu e-commerce pode melhorar a competitividade. Isso porque o consumidor vai enxergar qualidade no atendimento da empresa até no pós-venda.

Além de atender o cliente, trocar e devolver os produtos são direitos amparados na lei, mais especificamente no Código de Defesa do Consumidor. Portanto, é essencial pensar nesse tipo de procedimento.

#5 Defina prazos realistas

O cumprimento do prazo de entrega é um dos pontos mais importantes na gestão de logística no e-commerce. O cliente só tem uma expectativa: receber o produto. Quanto mais tempo demorar, mais insatisfação.

Portanto, se você não tem as mesmas possibilidades que os grandes varejistas para fazer entregas rápidas, defina prazos realistas e evidencie que é possível cumprir o prometido sem maiores problemas. 

Uma estratégia que pode servir para conquistar compradores é estipular uma data mais extensa e antecipar a entrega. Como resultado, o consumidor tem a surpresa de receber o produto em casa com agilidade.

 

#6 Defina uma política de frete inteligente

Já falamos que negociar com as transportadoras é um dos segredos da gestão de logística no e-commerce, mas em relação ao frete, existem outros truques.

Se for alto demais, o frete pode desestimular o comprador e levá-lo a abandonar a compra. Seu papel é solucionar esse tipo de situação com uma política inteligente no frete, que não prejudique os resultados da loja.

Oferecer frete grátis em determinadas situações, como em compras a partir de um determinado valor ou para entregas em regiões específicas. Há diversos caminhos!

Embora esteja arcando um pouco mais com o custo de entrega, a tendência é que o ticket médio de pedidos aumente, compensando a diferença.

 

Gostou das dicas? Para arrematar o texto e ajudá-lo a fazer um trabalho impecável na gestão de logística no e-commerce temos um último lembrete:

Conte com uma plataforma de e-commerce que dispõe de recursos para melhorar o trabalho de logística no seu e-commerce. 

Além da integração com as principais ferramentas do mercado, a JN2 tem condições exclusivas com a maioria delas, oferecendo cupons de desconto, isenção de mensalidade e muito mais vantagens. Quer saber mais? Entre em contato com nosso time de experts.

Você também pode se interessar