Aumente a conversão da sua loja virtual em 9 passos

atualizado em

aumente a conversão da sua loja virtual

Ter uma loja virtual envolve uma série de preocupações para o administrador, entre elas, o volume de vendas ou conversões. Existem vários fatores que influenciam nisso, como a sazonalidade, a concorrência, o marketing, etc. Além disso, também podem estar acontecendo problemas como a falta de um design responsivo, check out longo, poucas opções de pagamento, loja fora do ar, entre tantos outros. Evite estes problemas e aumente a conversão da sua loja virtual, saiba como:

1. Tenha um CRM

Toda boa loja virtual tem uma ferramenta de CRM, gestão de relacionamento com o cliente. O que essa ferramenta faz é registrar todo o histórico de interação do cliente com a empresa. Isso ajuda a entender como está essa relação e o que pode ser melhorado.  Quanto melhor o CRM, mais informação sobre o seu cliente ele reúne, e consequentemente, melhores os resultados para a sua loja.

Imagine ofertar ao cliente os produtos mais adequado para ele, com base nas interações e no histórico de compra, por exemplo. Isso é possível quando se tem todos os dados agrupados em uma única plataforma. Existem diversas opções disponíveis, escolha a que integra com a plataforma de sua loja e aproveite os benefícios.

2. Opte pelo design responsivo

Lojas responsivas são aquelas feitas para se adaptar ao tamanho da tela que o cliente está utilizando, dando a ele liberdade e conforto para usar qualquer tipo de dispositivo para acessar sua loja. Segundo dados do EBIT (2014), comparando dados de 2013 com 2014, o número de clientes que fizeram suas compras a partir de dispositivos móveis cresceu 84% e a tendência é crescer cada vez mais. Portanto, esteja atento na hora de contratar sua plataforma e não abra mão do design responsivo.

3. Segurança em primeiro lugar

Outro fator que o cliente valoriza e que melhora as vendas é o nível de segurança percebido em sua loja virtual. Invista em certificados SLL, criptografia de dados e políticas de privacidade, para deixar o cliente tranquilo. Conte para os seus clientes sobre as suas boas práticas de segurança. Isso ajuda a reduzir os medos, incertezas e dúvidas desses clientes. É tranquilidade para o seu cliente e para você também.

4. Corrija suas landing pages

Landing pages são as páginas de aterrissagem ou a porta de entrada do cliente na sua loja virtual. Essas páginas precisam ter um objetivo claro, uma conversão definida: o que eu quero que o meu cliente faça agora? Para onde essa página deve direcionar o fluxo de navegação.

Como estamos falamos de lojas virtuais, a conversão mais importante é a venda, e todo o fluxo deve ser direcionado para a página do produto, que por sua vez deve direcionar para o carrinho, que deve direcionar para o pedido finalizado. Esse é  fluxo ideal, mas será que é isso que o seu cliente está vendo na sua loja virtual? Se não for, tem alguma coisa errada.

5. E-mail marketing like a boss

Uma das melhores estratégias para manter um relacionamento duradouro com os clientes ainda é o e-mail marketing. Se você é um dos precursores da internet, não se surpreenda, é isso mesmo, o e-mail marketing continua fazendo milagres. Utilizando este meio, é importante trabalhar muito bem, com carinho e cuidado para não perder a oportunidade.

O ideal seria conversar com toda a sua base, de forma pessoal e personalizada, mas isso é humanamente impossível com uma base grande, e sem uma ferramenta adequada. Hoje já existem ferramentas que ajudam e muito nesse processo, automatizando todo o trabalho de e-mail marketing, facilitando o processo, deixando o cliente mais satisfeito, e a loja virtual com mais vendas.

6. Compartilhamento em redes sociais

As redes sociais estão aí para te ajudar, por isso tenha elas como parceiras. Grande parte dos clientes visitam sua fan page apenas para ter certeza de que a loja existe mesmo, de que seus clientes estão satisfeitos, e para receber as novidades do mercado. Afinal, você que está no dia-a-dia da operação conhece muito sobre e produto e tem coisas interessantes a dizer, não é mesmo?

Portanto, quando criar um conteúdo para a sua loja virtual, deixe os seus seguidores das redes sociais saberem disso, poste, afinal eles também querem participar, caso contrário não estariam te seguindo. A partir daí, eles podem iniciar no fluxo de venda da sua loja virtual. Apesar do Facebook ter 90% do share de redes sociais no Brasil, ele não é a única opção, escolha a rede de maior uso pelo seu público-alvo e acelere.

7. Check out mais rápido

Você já percebeu que boa parte das desistências de compra no seu e-commerce acontecem no momento do cadastro? Quando você pede informações ou obriga que ele tenha que passar por várias páginas para finalizar a compra, saiba que você está criando barreiras que estão atrapalhando suas vendas.

O índice de desistência em lojas que não possuem o one step check out é mais alto do que as que usam o aplicativo. Ele consiste basicamente em reunir os passos finais do check out em apenas uma página. Uma prática simples que melhora todas as vendas da loja.

8. Mais transparência

O cliente não te pergunta se sua loja possui check out transparente, mas você acaba perdendo muitas vendas por não tê-lo. Isso porque, sem ele, sue cliente precisa sair da página do check out, ir para outra página,  preencher dados do cadastro pela segunda vez , para então finalizar a compra. Ou seja, ele tem poucos motivos para gostar disso. Portanto, fique ciente de que, se a sua loja não possui check out transparente, você está perdendo vendas.

9. Métricas

De nada adianta colocar em prática todas as dicas anteriores se você não investir em métricas para seu e-commerce. Estabelecer indicadores que revelam o real desempenho é a única maneira de saber se você está no caminho certo. Taxa de conversão, origem de tráfego, bounce rate e tantas outras informações são necessárias para otimizar a conversão da sua loja, elas estão disponíveis e gratuitas, basta aprender e aplicar. Não é fácil definir os indicadores corretos e definir a rotina de análise, contudo esse é um trabalho de grande importância, do contrário você não saberá como está o progresso de sua loja virtual, e isso não tem como dar certo.

 

Gostou das dicas? Que tal compartilhar com seus amigos das redes sociais? Aproveite também o espaço dos comentários para deixar perguntas ou sugestões. Boas vendas!

Você também pode se interessar