Canal de venda e-commerce: impulsione o crescimento da sua empresa

atualizado em

canal de venda e-commerce

Canal de venda é o meio utilizado por uma empresa para expor produtos ou serviços. Existem tantos canais atualmente, que é um pouco desafiador escolher o mais indicado para o seu negócio. Além disso, é preciso otimizar a comunicação para atrair até mesmo aqueles que não são clientes, mas têm a intenção de compra. Será que o canal de venda  e-commerce é o melhor para sua empresa? E quanto as redes sociais?

Neste artigo, além de falar um pouco sobre diferentes canais de vendas, vamos ajudá-lo a fazer a melhor escolha. Isso é fundamental para o escalonamento da sua empresa, pois canais de venda também ajudam na publicidade e são capazes de capturar até mesmo aquele usuário que ainda não está próximo de realizar uma compra.

Se você quer ajudar seu time comercial no relacionamento com potenciais clientes, é bem provável que a sua busca por soluções esteja perto do fim. Se a sua empresa já definiu as personas, ou seja, o perfil de pessoas para as quais pretende vender, meio caminho já foi andado.

Para fazer uma escolha certeira em relação aos canais de vendas, é preciso conhecer bem as personas do seu negócio, desde o modo como elas acessam informações, até os meios que preferem usar. Com isso, é muito mais fácil elaborar uma estratégia em um ou mais canais e investir naqueles que podem trazer os melhores resultados.

Se a empresa ainda não definiu as personas, é importante cumprir essa tarefa antes. De qualquer forma, você pode aproveitar este artigo para conhecer melhor os meios disponíveis e por que o canal de venda e-commerce é um dos mais promissores. Siga a leitura!

 

O potencial do canal de vendas e-commerce

O canal de venda e-commerce é usado para ofertar produtos ou serviços de apenas uma marca. Ele possui um grande potencial de crescimento e foi responsável pelo sucesso de diversas empresas, como a Magazine Luiza, no Brasil, e a Amazon, nos Estados Unidos – atualmente a terceira empresa mais valiosa do mundo.

Ao abrir um e-commerce, você terá muita liberdade para personalizar seu negócio, a exibição de produtos e as formas de pagamento. Você vai precisar de bastante foco, mas logo perceberá que seus objetivos de crescimento podem ser atingidos rapidamente. Quem faz os investimentos corretamente e com planejamento, costuma ter um grande retorno. Para ter uma ideia, em 2019, o e-commerce brasileiro cresceu 22,7%, com faturamento de R$ 75 bilhões.

Uma regra que vale para todos os demais canais, também é útil no e-commerce: é preciso se diferenciar dos concorrentes para ter sucesso. Por isso, estude bem seu nicho de mercado e busque preencher lacunas para destacar sua empresa. 

O consumidor ama a praticidade que o canal de venda e-commerce oferece, sendo essa uma das principais vantagens desse modelo para ele. As lojas virtuais superam outros meios em função dessa facilidade. Afinal, quem é que não gosta de pesquisar itens que despertam seu interesse e fazer compras no conforto de casa, usando o celular ou o computador?

O investimento inicial em um e-commerce também é mais baixo, quando comparado a outros tipos de negócio. Além disso, a loja virtual pode funcionar em tempo integral, o que não é possível no caso de uma loja física. 

Outra vantagem de criar uma loja virtual é a possibilidade de vender para uma pessoa que está bem distante de você, em outra cidade e até em outro estado, desde que seja estruturada uma boa logística de entrega.

Integração de canais de vendas

Para otimizar os resultados do canal de venda e-commerce, é possível integrar outros meios. Existem diversas opções e você não precisa abraçar todas, mas é livre para escolher mais de uma e fazê-las trabalhar em sintonia, podendo aumentar a margem de lucro.

Isso é possível porque a combinação de vários canais pode ampliar o número de pessoas atingidas pela sua estratégia de comunicação. A seguir, falamos de outros canais de vendas para melhorar o desempenho do seu e-commerce no quesito vendas. Confira!

Loja física

A loja física é o canal de vendas mais clássico. Empresas que comercializam sapatos e roupas, por exemplo, podem ter mais facilidade para vender nesses canais, pois os clientes gostam de experimentar esse tipo de produto antes comprá-los.

Além do canal de venda e-commerce, nesse caso, ter uma loja física é a solução para os clientes que desejam realizar essa etapa da experiência de compra.

E-mail marketing

Sim, o e-mail ainda é uma poderosa ferramenta de marketing para as empresas e outro canal de vendas que pode melhorar os resultados de um e-commerce.

Utilizando o e-mail marketing, sua empresa consegue personalizar ainda mais a abordagem ao público. Para aumentar a efetividade, é importante conquistar uma base de leads, ou seja, potenciais clientes que receberão os e-mails. 

Outro cuidado necessário é segmentar essa base, considerando a fase em que estão na jornada de compra. Aquela fatia do público que está nos primeiros contatos com a marca pode receber boas-vindas, ou conhecer mais a história da empresa. Já os clientes que conhecem o produto podem receber incentivos maiores, que ajudem a finalizar uma compra.

Google Ads

O Google Adwords é uma ferramenta paga. Neste canal de vendas, você compra palavras-chave e seu produto aparece como primeiro resultado na busca por esses termos – ou por termos relacionados – para os usuários do Google.

Esse canal de vendas é indicado para encontrar aquelas pessoas que estão muito propensas a uma compra e fazem pesquisas buscando suas soluções e produtos.

Redes sociais 

Redes sociais também ajudam as vendas no e-commerce. O Facebook e o Instagram, inclusive, oferecem opções de venda na própria plataforma. Além disso, esses canais são muito populares, ou seja, seu público está neles.

A competição, entretanto, é grande e sua empresa deve elaborar uma estratégia para atingir o público ideal. O auxílio de especialistas, nesse caso, pode ser bastante útil e melhorar os resultados no seu canal de venda e-commerce via redes sociais.

 

E então, será que sua empresa vai conseguir vender mais no próximo semestre? A resposta tende a ser positiva caso você invista em canais de venda eficientes e com potencial de impulsionar o crescimento da sua empresa.

 

Acabamos de mostrar alguns caminhos, agora, coloque em prática tudo que aprendeu!

Você também pode se interessar