Integrações no e-commerce para melhorar a gestão

atualizado em

integrações no e-commerce

Gerir um e-commerce pode ser um pouco complicado, principalmente para quem está começando e é ai que as integrações podem te ajudar. Escolhendo as ferramentas corretas, você terá muito mais facilidade e agilidade para gerir sua loja online. Com a popularização do varejo online no Brasil, não basta apenas oferecer um bom site e um produto adequado, é preciso ir além. O cliente não quer apenas qualidade, ele quer funcionalidades que tornem a vida dele mais fácil e que o estimulem a seguir com a compra até o fim. As integrações no e-commerce melhoram a gestão e ajudam a fidelizar o cliente, que terá sua loja virtual como referência de praticidade e confiabilidade.

1. Os melhores meios de pagamento

Facilite a vida do seu cliente disponibilizando diferentes meios de pagamento. A maior parte das lojas virtuais brasileiras colocam à disposição de seus clientes a dobradinha cartão de crédito e boleto bancário, mas isso nem sempre é suficiente. Dependendo do seu público, esse tipo de serviço pode não funcionar direito. Existem muitas intermediadoras de pagamento, gateways e serviços desse tipo, por isso é importante observar alguns detalhes.

Algumas opções têm um bom custo-benefício, além de suporte e segurança de qualidade. Observe detalhes como o check out transparente, pagamentos recorrentes, entre outras possibilidades. Se você vende produtos de alto valor, é interessante habilitar a opção de pagamento com mais de um cartão. Procure sempre a melhor opção para você, e principalmente, para seu cliente.

2. ERP para melhorar a gestão

O Enterprise Resource Planning (ERP), ou Sistema Integrado de Gestão Empresarial faz muita diferença na gestão dos processos diários do seu e-commerce. Aposte nessa integração se você quiser ter maior controle sobre os seus processos, desde gestão completa de estoque, rotinas fiscais e contábeis, entre várias outras funcionalidades que irão melhorar o controle da sua loja.

Outro recurso importante é o acesso ao BI (Bussiness Inteligence), que é composto basicamente de dados e relatórios que auxiliam nas tomadas de decisão diárias. Existem soluções para todo os gostos e bolsos, desde alugadas mensais, por algumas dezenas de reais, e também chamadas de backoffice,  até soluções completas mais completas, com todas as funcionalidades que as maiores empresas usam. Escolha o melhor para seu modelo de negócio e otimize a gestão de sua loja virtual.

3. CRM para se relacionar com o cliente

Dê a atenção que o seu cliente merece, tenha um Customer Relationship Managemen (CRM) ou Gestão de Relacionamento com o Cliente. Nesta ferramenta estarão agrupadas todas as informações relevantes do cliente, para que sejam utilizadas e atualizadas a cada nova interação com este cliente. Em outras palavras, falou com um, falou com todos da empresa.

Aposte nessa integração no e-commerce se quiser oferecer um serviço diferenciado e personalizado, entendendo realmente a necessidade do cliente e ajudando-o a resolver o seu problema. Assim, seus clientes serão realmente impactados com soluções que sejam compatíveis com as suas necessidades.

4. Atenção à logística

A logística no e-commerce é peça fundamental, e que deve ser acompanhada de perto pelo gestor. Ao integrar com outras transportadoras, além dos próprios Correios, você auxilia os seus clientes a encontrar a solução que melhor se adeque à necessidade dele. Além disso, deixe seu cliente informado sobre o status da entrega e a previsão de chegada do produto adquirido para ele se programar. Se não fizer isso, você poderá ter uma série de reclamações, o que não é nada legal para o seu negócio.

Agora você já sabe sobre as principais integrações para turbinar seu e-commerce, o que você provavelmente não sabe é que a plataforma JN2 possui um catálogo de integrações à disposição dos clientes. Para conhecer mais sobre a plataforma, clique aqui e veja nossos planos e preços.

Você também pode se interessar