Fundamentos de design: Como utilizá-los em sua loja virtual

atualizado em

novos fundamentos de design

Nesse texto, você vai conhecer os novos fundamentos do design e como os serviços de uma agência de marketing digital ajudam o e-commerce a melhorar sua conversão.

 

Aparência importa! E essa máxima aplica-se totalmente ao sucesso das vendas em uma loja virtual. Sem um layout que destaque os produtos, facilite o lado do cliente e incentive a compra, as vendas diminuem.

Porém, quando o empreendedor consegue otimizar o layout a seu favor, ou seja, voltado à compra, a experiência do cliente é superada — e as vendas também! Por isso, vamos mostrar novos fundamentos de design que ajudam na tarefa de exibir seus produtos na loja virtual.

Você perceberá que diversos elementos devem ser considerados, como a combinação das cores e a qualidade das imagens dos produtos. Também vai conhecer benefícios de ter um layout responsivo, bem elaborado no e-commerce e ainda os elementos indispensáveis ao criar o design da loja.

Nós temos muitas dicas para dividir com você sobre isso. Vamos em frente?

 

Dicas para o e-commerce com novos fundamentos design

Agora você vai aprender a estruturar os detalhes da loja virtual, desde a home até às páginas e descrições de produtos, de forma a contribuir com melhores resultados e sempre com um foco: facilitar a navegação para o cliente e, com isso, vender mais. Confira!

 

Layout responsivo

O site, muitas vezes, é o primeiro contato do cliente com a sua empresa. Como diz o ditado “a primeira impressão é a que fica”. Então, independente se ele acessar o site pelo computador, tablet ou celular, o website deverá proporcionar uma navegação excelente.

Segundo pesquisa da PayPal, 76% dos consumidores realizaram uma compra via smartphone nos últimos 6 meses. Você ainda tem dúvida que a página da sua loja virtual deve se adequar a todos os dispositivos?

Por isso, quando for construir seu e-commerce, dê prioridade às plataformas que suportem websites responsivos e rápidos no carregamento!

Existem diversas plataformas que podem abrigar sua loja virtual. Aquelas com código aberto, como a Magento, são mais flexíveis, permitindo que o empreendedor cadastre seus produtos de forma mais personalizada.

 

Site otimizado

Você já ouviu falar em usabilidade? Esse conceito é um dos mais importantes no e-commerce. Significa o quanto um site ou aplicativo é fácil de ser usado. Em outras palavras, um site tem boa usabilidade quando contribui para que as visitas se transformem em vendas.

Afinal, de nada adianta ter um site cheio de visitas se esses visitantes não compram nada, correto?

Para isso, não abra mão de praticidade para o leitor. Esses são fatores que influenciam diretamente o sucesso do e-commerce.

 

Organização dos produtos

Primeiramente, a organização dos produtos na loja virtual é fundamental para que o máximo de visitantes se transformem em compradores. Para isso, você deve prezar pela navegação mais fluida e agradável possível: um menu intuitivo, com categorias de produtos bem definidas e fáceis de entender,  produtos com nomes que façam que com que sejam encontrados rapidamente e imagens atrativas.

Se a loja possui diversos produtos e necessita do sistema de paginação, os itens do final da lista podem ter menos visualização. Então na hora de cadastrar produtos, você tem que considerar esse fator e fazer o upload de forma estratégica, evitando que produtos-chave fiquem escondidos.

 

Home page da loja virtual

A página inicial do site deve aliar organização e estratégia, elencando prioridades na hora de destacar os produtos e os preços. Sem uma home atrativa, o visitante provavelmente não vai continuar navegando pelo seu site e nem vai acabar voltando a entrar sua loja.

 

Escolha das imagens

O consumidor é muito influenciado pelo visual dos produtos e do site. Então, a escolha das cores e fotos dos produtos deve ser criteriosa. Antes de começar a subir imagens, escolha as melhores, em vários ângulos e capriche nas descrições.

Então nada de fotos amadoras e descrições sem graça, ok?

O tamanho dos arquivos também merece atenção: quando são pesados demais, podem tornar o carregamento das páginas lento e prejudicar as vendas. Otimize as imagens através de sites como o TinyPNG.

 

Vídeos mostrando produtos

Os consumidores no meio online estão cada vez mais exigentes. Para alavancar as vendas, além das imagens, é interessante ter vídeos descritivos dos produtos, uma das formas mais atrativas para demonstrar um produto. Dessa forma, o futuro comprador tem mais um meio para se decidir em relação à compra.

 

Opção de busca no site

Geralmente o consumidor utiliza a opção de busca do site apenas uma vez. Depois, ele vai de um produto para o outro, de acordo com as indicações do sistema do seu site, como linkando produtos relacionados logo abaixo da descrição.

É importante que você saiba quais são as principais palavras-chave de busca relacionadas aos seus produtos para, a partir delas, sugerir novas opções de produtos, considerando o perfil de busca dos visitantes e aumentando o ticket médio.

Qual o caminho para encontrar esses termos? Acompanhando o seu Google Analytics!

 

Botão de compra (call to action)

Esse elemento é dos mais importantes de uma loja virtual. Se você organizou todos os detalhes anteriores, para finalizar, precisa posicionar o botão de vendas com destaque.

O call to action, ou CTA, é a chave da conversão, então, deixe-o em áreas estratégicas e visíveis do site, assim, o futuro comprador vai achá-lo facilmente. A sua tarefa é incentivar o clique, mesmo que o produto não esteja com desconto. Então seja criativo e capriche no texto.

 

Títulos e textos dos produtos

O título da página do produto deve ter até 70 caracteres, o texto da descrição deve conter as palavras-chave e uma call to action.

Além disso, crie uma descrição otimizada com até 160 caracteres e novamente com palavras-chave do produto à venda. URLs amigáveis para os produtos também ajudam muito!

Confira nosso material completo aqui sobre otimização para SEO!

 

Ajuda especializada

Otimizar seu e-commerce com os novos fundamentos de design, certamente, vai aumentar a conversão e resultados nas vendas. Contar com a ajuda de uma agência de marketing também vai contribuir (e muito!) nesse sentido.

Contratando a expertise da agência, seu e-commerce pode melhorar as imagens dos produtos, os textos de divulgação, a otimização SEO da loja virtual, além das estratégias de venda e as campanhas nas redes sociais.

O trabalho da agência de marketing digital pode começar logo na criação da loja, o que será ótimo para já começar com o pé direito, mas pode começar com a loja em funcionamento também.

O impulso nas vendas compensa o investimento na agência e todos saem ganhando. O consumidor encontrando e comprando tudo o que procura com mais facilidade e a sua loja, que passa a ter mais clientes e aumenta as vendas.

 Gostou da leitura? Agora você sabe como os novos fundamentos do design podem ajudar seu e-commerce a converter mais. Organize o layout, divulgue os produtos contando com profissionais e monitore suas vendas! Você certamente vai notar uma curva de crescimento. Até o próximo post! 

 

Você também pode se interessar