Quais são as novas tecnologias para e-commerce

atualizado em

novas tecnologias e-commerce

O mercado e-commerce surpreende, positivamente, ano após ano. No Brasil, segundo um estudo do Euromonitor e PayPal, até 2020, as vendas online devem sair do patamar dos US$ 19,5 bilhões para US$ 28 bilhões, um crescimento de 43,5%. Para se manter competitivas, as lojas virtuais têm que acompanhar as tendências. É o que você está buscando? Ótimo! Neste texto, apresentamos 8 novas tecnologias para e-commerce. Confira!

Novas tecnologias para e-commerce

Todo ano uma nova tecnologia altera a forma como os empreendedores vendem seus produtos e que impactam a rotina nas lojas virtuais. 

Essas novidades mudam a maneira que o consumidor interage no ambiente online. Com elas, a experiência do usuário fica mais agradável e as lojas ganham mecanismos que facilitam o processo de compra.

Se você quer manter ou colocar sua empresa no topo, não há outra saída: precisa conhecer, dominar e oferecer essas novas tecnologias aos seus clientes e potenciais clientes. 

Vale ressaltar: a maioria delas vem para  facilitar o consumo, proporcionando uma experiência única e surpreendente. 

Quer ver os gráficos do seu e-commerce decolarem? 

Então, chega de fazer as mesmas coisas e esperar resultados melhores! É hora de se apropriar das novas tecnologias do e-commerce para encantar o público e vender muito mais. 

Vamos em frente!

Chatbots e Inteligência Artificial

Uma das principais novidades da Inteligência Artificial nos últimos tempos foi a criação de robôs que podem interagir com humanos: os chatbots.

Essa nova tecnologia para e-commerce automatizou a comunicação com o cliente e, quando bem administrada, é capaz de agilizar as operações de atendimento nas lojas virtuais. 

Um chatbot também é capaz de analisar a interação do cliente com a marca e classificar a relevância dele para a empresa. Nesse caso, a ferramenta é integrada a sistemas de gestão do negócio.

Entre as diversas vantagens, os chatbots otimizam o trabalho dos atendentes humanos, que ficam responsáveis por atuar somente nos casos mais críticos e quando a ferramenta não consegue avançar. 

Pesquisa por voz

A pesquisa por voz é outra mudança na comunicação trazida pela Inteligência Artificial. Esse recurso está cada vez mais presente nas aplicações da internet e no caso dos e-commerces não é diferente.

Para entender como as pesquisas por voz podem ajudar basta imaginar que seu assistente pessoal do Google está integrado ao seu e-commerce a fim de auxiliar o cliente e agilizar todo o processo de compra.

Mobile first

Um estudo da Mobile Time/Opinion Box, deixou bastante clara a tendência de crescimento nessa área.

Intitulado Comércio Móvel no Brasil e com dados de setembro de 2019, o estudo revela que o uso de celulares para fazer compras online é um hábito em expansão no Brasil.

Em apenas quatro anos, a quantidade de pessoas que fizeram compra com o aparelho subiu de 41% para 85%, ou seja, o percentual de consumidores que aderiram ao celular para fazer suas compras mais que dobrou.

E esta tendência não cresce apenas no   número de novos clientes. O uso recorrente também está aumentando, visto que 77% dos consumidores móveis disseram que, atualmente, fecham mais compras usando o smartphone do que seis meses atrás.

Além disso, o estudo mostrou que 73% dos consumidores móveis preferem o celular do que o computador para fazer suas compras.

Blockchain

O termo blockchain vem do inglês e significa “encadeamento de dados”. Em outras palavras, é um banco de dados distribuído e que contém os dados de todas as transações ou eventos digitais executados e compartilhados entre cada parte.

Imagine um livro contábil, onde cada interação registrada também é verificada e aprovada pela maioria dos participantes que integram o sistema, dificultando que os criminosos achem caminhos para atuar.

O Bitcoin é o maior exemplo dessa nova tecnologia e conseguiu estabelecer um mercado global capaz de circular trilhões de dólares sem depender de controle estatal.

Essa tecnologia está sendo aperfeiçoada nos últimos anos. Pode-se considerar uma das novas tecnologias para e-commerce porque resolve os desafios da segurança digital, em especial protegendo o número do cartão de crédito do cliente.

Big Data

O grande volume de informações da atualidade tornou a gestão de dados um desafio a parte para empresas e governos.

No caso específico das empresas, sempre que elas conseguem coletar algo relevante em um grande volume de informações, acabam obtendo diversos benefícios, tais como:

  • Aumento nas vendas;
  • Serviços mais eficientes;
  • Redução de custos;
  • Satisfação do cliente.

Mas como extrair informações relevantes através de dados? Muito simples: aderindo a projetos de Big Data! 

O volume de informação cresceu tanto que os  computadores já não suportam mais tamanha quantidade. A solução foi aprimorar os instrumentos de análise.

Para as soluções Big Data, quanto maior o volume de informações dos clientes e leads, maior o suporte à comunicação nos canais digitais, por isso, essa nova tecnologia para e-commerce é tão útil.

Interatividade digital

A interatividade digital tem impacto direto na qualidade do atendimento. As empresas têm um grande desafio atualmente: precisam 

manter uma padrão no atendimento e, ao mesmo tempo, garantir que cada cliente se sinta único e especial.

Todos os contatos devem ser respondidos do jeito mais rápido e pessoal possível. O ideal é que cada pessoa sinta que está falando com um atendente capaz de ouvir, se preocupar e resolver qualquer problema.

Realidade aumentada

A Realidade Aumentada é outra nova tecnologia para e-commerce. Alguns marketplaces até já utilizam esse recurso para atrair clientes e oferecer uma nova e espetacular experiência de compra.

Empresas de turismo e segmentos imobiliários são os que melhor aproveitam essa tendência. A Realidade Aumentada permite que o consumidor experimente como seria adquirir determinado produto a quilômetros de distância dele.

Vídeos

Um dos grandes desafios para fazer as vendas subirem no e-commerce é mostrar os produtos online. Enquanto na loja física o cliente pode ver e tocar o produto desejado, nas lojas virtuais isso não acontece.

Mas há uma estratégia capaz de driblar esse problema: os vídeos demonstrativos. Aproveitando esse recurso, o empreendedor pode apresentar as funcionalidades e características dos seus produtos.

Percebeu como as novas tecnologias do e-commerce podem melhorem o desempenho e potencializar as vendas? Não deixe sua empresa no passado. É hora de implementar essas novidades e obter resultados muito melhores.

Continue acompanhando as atualizações do blog da JN2 para estar por dentro de todas as tendências do e-commerce. Até a próxima!

 

Você também pode se interessar