6 estratégias de sucesso para um e-commerce de moda

atualizado em

estratégias de sucesso para loja virtual de moda

Em um cenário onde as pessoas têm cada vez menos tempo e paciência para fazer compras em lojas físicas, e-commerces de moda se mostram uma excelente opção para renovar o guarda-roupa sem ter que sair de casa. Isto ocasionou um crescimento considerável deste mercado no digital, que tem se mostrado cada vez mais representativo no faturamento do comércio eletrônico. Por isso, para se destacar da concorrência e consolidar a sua marca no mercado, diferenciar-se é preciso. Confira algumas dicas:

1. Mantenha a consistência

Empresas que atuam na área de moda sabem que ter uma representação consistente da marca em todos os canais em que está presente ajuda a construir uma relação sólida com os clientes, independentemente de estarem fazendo suas compras online ou offline. Por isso todos os elementos usados no seu e-commerce devem estar alinhados com sua marca, inclusive recursos como busca e navegação. Dê atenção também às landing pages, que é por onde os consumidores irão entrar ao clicarem em links em ferramentas de busca.

2. Escolha uma plataforma adequada

A plataforma em que seu e-commerce de moda será abrigado é essencial para seu sucesso. Prioriza itens como: alta possibilidade de customização, navegação orientada para o usuário, botões para compartilhamento em redes sociais, possibilidade de aumentar o portfólio de produtos, SEO, etc. Uma das melhores opções no mercado é a plataforma Magento, conhecida pela alta capacidade de customização, grande oferta de extensões e por ter uma grande comunidade de usuários espalhada por todo o mundo.

3. Produza um bom conteúdo

Um e-commerce de moda, além de oferecer produtos de qualidade, deve também produzir um bom conteúdo, com assuntos que interessem aos clientes da marca, como dicas de moda, beleza, como usar determinadas peças, etc. Um cuidado importante é com a linguagem.

Em um ambiente em que as tendências mudam rapidamente é preciso saber as palavras que os consumidores das lojas virtuais irão utilizar em suas buscas no site. Uma forma interessante de fazer isso é dar uma olhada no histórico de buscas do seu e-commerce para ver as gírias/jargões que seus clientes estão usando para buscar por determinadas peças ou acessórios.

4. Invista na variedade de produtos

Oferecer diversas opções de cor e tamanho é fundamental para um e-commerce de moda. Além de ter as mercadorias disponíveis, é preciso destacar as diversas opções que seus compradores têm.  Você pode fazer isso colocando quadradinhos com as cores e tamanhos disponíveis ao lado da foto do produto, por exemplo.

5. Aposte em parcerias

Parcerias podem fazer muito pelo seu e-commerce de moda. Fechar acordos com marcas de beleza e gastronomia, por exemplo, pode agregar valor ao seu produto e fidelizar ainda mais o seus clientes. Por que não dar um mimo para um cliente que comprar a partir de determinada quantia?

6. Ofereça a possibilidade de troca sem custo adicional

Um dos grandes medos de quem compra roupas e acessórios pela internet é o produto não ficar bom ou simplesmente não caber. Ofereça sempre a possibilidade do consumidor fazer uma troca caso a peça não seja do seu tamanho ou que não o satisfaça por qualquer outro motivo. Para isto, defina uma regra de precificação que contemple esta possibilidade sem gerar um custo adicional para o cliente, ao menos na primeira troca. Assim você passa mais segurança ao consumidor!

Se você está buscando mais informações práticas, aproveite para ler também nosso artigo sobre como montar uma loja virtual de moda agora mesmo!

Você também pode se interessar