Vender online: primeiros passos para digitalizar sua loja

atualizado em

vender online

A facilidade para vender online beneficiou muitos empreendedores. Tanto pequenos lojistas como grandes varejistas hoje conseguem ganhar dinheiro na internet. Cada vez mais acessível, o comércio eletrônico impactou o mercado e possibilita que pequenos negócios dividam espaço com grandes players.

Todo começo tem sua dose de incertezas e, para vender na internet, existem alguns segredos. Neste post, a JN2 vai desmistificar todos eles para você aderir à transformação digital e ter sucesso na criação da sua loja virtual.

Vamos em frente?

 

O que vender pela internet?

Você já deve ter ouvido que a internet não tem muros e que é possível vender qualquer produto no meio online. Isso é verdade! No início, existia um certo receio de que alguns produtos não poderiam ser vendidos facilmente no e-commerce porque o cliente não poderia experimentá-los, como roupas, por exemplo.

Essa desconfiança caiu por terra rapidamente. Segundo um estudo da Ebit Nielsen, o segmento de moda e acessórios destaca-se no comércio eletrônico brasileiro, seguido dos eletrodomésticos.

Ao longo dos anos, outro mito que caiu por terra em relação ao e-commerce é a venda de produtos de alto valor. A evolução do e-commerce é tanta que o consumidor vem aumentando gradativamente seu ticket médio nas compras pela internet. Hoje é possível adquirir desde cases para celular de R$10 até apartamentos de R$1.000.000!

Por isso, se você está cogitando entrar no segmento, estude sobre seus possíveis fornecedores, concorrentes, escolha a melhor plataforma e siga em frente! É, sim, possível vender online qualquer tipo de produto: roupas, acessórios, eletrônicos, carros e serviços, cursos, consultorias…

Para obter sucesso, a preocupação não deve ser o que vender, mas como vender. Antes, vamos mostrar os benefícios de vender online!

 

Benefícios de uma loja digital

O crescimento das vendas no meio online vem encorajando muitos empreendedores a entrar no segmento. Segundo uma pesquisa da Forrester Research realizada a pedido do Google, as vendas online no Brasil devem dobrar até 2021. Entre as vantagens destacam-se a comodidade, tanto para o cliente como para o empreendedor e a possibilidade de aumentar as vendas. A seguir, veja outros benefícios:

 

1) Vendas full time

Uma das principais vantagens do e-commerce é poder vender 24 horas por dia, 7 dias por semana. E o melhor: você não precisa aumentar a equipe para isso. Basta investir na automação de processos, por exemplo, para ter controle de estoque, frete e backup de maneira automática.

Uma loja física, em contrapartida, só funciona 24 horas com escalas de revezamento e se o empreendedor investir em segurança. A loja virtual não precisa disso e pode vender até nos finais de semana e feriados.

 

2) Vendas para diversos locais

A loja virtual também não possui limites geográficos, outro grande benefício quando o assunto é vendas. Enquanto a loja física tem dificuldades para atender clientes muito distantes do ponto, a internet tem alcance global, permitindo que qualquer pessoa encontre seus produtos.

 

3) Redução nos custos

Se você comparar o custo de abrir uma loja física e uma loja virtual, logo vai perceber que na internet tudo é mais fácil. O aluguel do ponto comercial de uma loja física, por exemplo, pode ser bem alto e burocrático. Além disso, há custos com instalações, vitrines, placas, equipe de vendas, alvará de funcionamento, dentre outros.

No meio online, é preciso ser criativo e manter um ótimo relacionamento com o cliente. Com toda economia, é possível investir em marketing e tornar sua empresa mais conhecida acelerando o retorno do dinheiro investido.

 

4) Marketing digital a seu favor

A divulgação também é mais fácil para quem vai vender online. O principal trunfo é o marketing digital, que possibilita a segmentação do público e torna as campanhas mais assertivas, atingindo as personas da sua empresa. É possível delimitar exatamente as pessoas que você quer atingir, incluindo região geográfica, faixa etária, interesses e muitos outros critérios.

Para uma loja física, é possível investir em publicidade online, porém não há a facilidade de   visitar a loja em um clique — literalmente.

O marketing offline — ou seja, cartazes, panfletos, TV etc. — em contrapartida, não tem uma segmentação tão fidedigna quanto o digital. Ao divulgar sua empresa em um outdoor, por exemplo, você atingirá todos os públicos que olharem para ele, incluindo aquelas que não pertencem ao público que sua empresa mira.

 

Os primeiros passos da transformação

A internet tem espaço para qualquer tipo de negócio. Você pode aproveitar os benefícios de vender online, independentemente do segmento em que atua. Para isso, precisa seguir algumas dicas.

 

Estude o ambiente online

Esqueça o que você sabe e vivenciou na loja física. A internet é praticamente outro universo e vender online é bem diferente, por isso, vá atrás de preparação. Entre as principais lições, você vai precisar aprender a criar a loja virtual, escolher uma plataforma de e-commerce e a integrar o estoque da loja física com a virtual.

A divulgação dos produtos também é uma questão importante. No meio eletrônico, o marketing é uma peça chave e as estratégias são um pouco diferentes. Enquanto a loja física depende de um ótimo ponto, para vender na internet você vai precisar aderir a estratégias, como marketing de conteúdo para atrair clientes organicamente.

Confira nosso material de como abrir uma loja virtual:

Encontre os seus clientes

A internet tem milhões de usuários, mas eles têm gostos distintos. Além disso, uns preferem usar a rede social X, outros são viciados na rede social Y. Para vender online, seu desafio é localizar seus potenciais clientes nesse universo digital.

Sua missão é entender os hábitos, principais interesses e comportamentos dos potenciais clientes. Além disso, é essencial descobrir os sites onde eles mais navegam e conteúdos que estão dispostos a consumir. Depois disso, fica mais fácil elaborar a estratégia para atraí-los.

 

Analise a concorrência

Se você comanda uma loja física, certamente, conhece os concorrentes da região e acompanha de perto seus movimentos. Para vender online, vai precisar fazer o mesmo. A diferença é que uma loja virtual compete com marcas de todos os cantos do mundo.

Mas não é difícil identificar a concorrência.Um dos caminhos é buscar seu produto no Google e eles vão aparecer. Depois, veja como trabalham nas redes, no site e como interagem com os clientes.

Além das empresas com produtos iguais, aquelas que atuam no mesmo segmento, ou praticam preços semelhantes, podem ser consideradas concorrentes. A análise também deve ser feita sobre eles, assim, você terá uma panorama mais completo do mercado.

 

Estruture bem a logística

Depois que tudo estiver estruturado, é hora de começar a vender, certo? Na verdade, uma questão importante precisa estar impecável: a logística. Não adianta entrar no meio online, caprichar na divulgação dos seus produtos e falhar na entrega. A remessa do produto ao consumidor é um ponto crucial para os e-commerces.

Empreendedores com loja física e que vão abrir uma loja virtual precisam de foco na gestão do estoque e das entregas. É muito frustrante para o consumidor comprar o produto e esperar semanas para recebê-lo. Por isso, estruture bem a logística através dos Correios ou de outras transportadoras.

 

A experiência do cliente é tudo

Por fim, é preciso ganhar o coração do cliente, ou seja, oferecer uma experiência inesquecível de compra. Na loja virtual, você não terá vendedores para cativar o cliente e isso depende de diversos fatores, como experiência de navegação, atendimento, entrega, qualidade do produto, relacionamento pós-venda e até do layout do espaço virtual.

 Por isso, máxima atenção à forma como sua marca vai se comunicar nas redes sociais, no site e pelo chat. Em todos esses canais, o consumidor precisa ser tratado com agilidade e respeito para sentir confiança e confirmar suas compras.

A JN2 pode ajudar sua empresa a vender online e obter sucesso. Quer transformar sua empresa através do e-commerce? Você pode ter o apoio de experts no assunto, com tecnologia de ponta e flexibilidade para atender sua demanda. 

Você também pode se interessar