fbpx Skip to main content

Como fazer um planejamento para e-commerce em um mercado tão dinâmico

Início » Blog » Como fazer um planejamento para e-commerce em um mercado tão dinâmico

Com a velocidade em que novas tecnologias surgem, aprimorando processos e promovendo mudanças, não é tão simples fazer um planejamento para e-commerce assertivo. Se somarmos a isso algumas outras questões que não temos controle, como a própria pandemia, fica ainda mais difícil planejar estratégias eficientes para o negócio.

Além disso, existem outras questões que também potencializam um cenário de incertezas para o futuro, como a própria mudança de comportamento do consumidor. O mercado de e-commerce ainda está entendendo esses novos hábitos de compra do cliente, fazendo com que os lojistas revejam seus processos e busquem soluções.

E para que você, empreendedor, caminhe na direção certa em 2022, vamos te ajudar a fazer um planejamento para e-commerce bastante eficiente para sua loja virtual. Neste conteúdo, você encontrará tudo o que precisa para se planejar tendo em vista as constantes mudanças ocorridas no mercado.

Confira!

O consumidor e o planejamento para e-commerce em 2022

Quando um lojista decide fazer seu planejamento para o ano, é fundamental pensar em diversos pontos. Afinal, você precisa analisar dados, números e informações sobre seus potenciais consumidores, além de avaliar o segmento de atuação do seu negócio e as novidades do setor.

Contudo, atualmente, essa missão está complicada, já que o cenário geral do varejo anda cheio de incertezas e frequentes mudanças. Se olharmos o próprio comportamento do consumidor antes e durante a pandemia e a tendência de como será depois da Covid-19 , veremos o quanto é necessário aprender e entender mais esses novos clientes.

Isso porque as compras online crescem bastante a cada ano. Impulsionado pela pandemia, o segmento de e-commerce tem alcançado números incríveis, promovendo grandes transformações na forma de comercializar produtos e satisfazer os consumidores. Estes, por suas vez, estão mais exigentes, buscando por inúmeras facilidades e priorizando as lojas que saibam atendê-los de maneira completa.

Portanto, cabe aos lojistas ficarem antenados a esse novo comportamento dos clientes, além de observarem com atenção as mudanças do mercado. Dessa forma, será possível elaborar um planejamento mais assertivo e não ser surpreendido negativamente nos próximos meses.

Como organizar um planejamento eficiente para e-commerce

Mas aí você pode se perguntar: mas como me planejar se o próprio mercado é instável e promove inúmeras mudanças ao longo do ano? Apesar disso, existem algumas práticas que devem ser consideradas e que, independentemente de transformações ocorridas, tendem a dar certo. Veja a seguir algumas dicas!

Fique atento às datas comemorativas

Para começar, é fundamental que todo lojista tenha um calendário do e-commerce e se baseie nele para algumas estratégias da loja virtual. Assim, será possível ver as datas mais oportunas para o seu negócio e elaborar promoções, oferecer descontos, entre outras práticas comuns nessas ocasiões.

Isso é muito importante porque, independentemente das movimentações do mercado, as datas sazonais sempre acontecerão. E elas acompanham consumidores definitivamente decididos a comprar, mesmo em momentos de crise. Portanto, uma boa dica para um planejamento para e-commerce eficiente é elaborar ações para datas comemorativas.

Procure saber o que mais agrada ao cliente nas compras online

Outro ponto que merece destaque, e que precisa ser explorado pelos comerciantes, é saber mais sobre seus consumidores. O que os agrada mais? O que buscam em uma compra online? Como satisfazê-los da melhor maneira possível? Por meio dessas informações, é possível acertar em cheio na hora de fazer o planejamento.

Por exemplo, um estudo do Market Review mostrou os principais motivos que levam os clientes a optar pelas compras online. Veja:

  • praticidade: 63%; 
  • preços: 61%; 
  • promoções exclusivas: 58%; 
  • facilidade para comparar preços: 44% e;
  • promoções sazonais e formas de pagamento: (24%).

Com essas informações em mente, o lojista pode abordar pontos mais assertivos na construção do seu planejamento, indo direto ao que mais agrada o seu consumidor. Portanto, busque mais dados sobre o e-commerce em geral e também sobre o seu segmento de atuação!

Lembre-se de se organizar para atuar, também, nos marketplaces

Mais uma prática que tende a trazer bons resultados e que se mostra bem eficiente é a atuação nos marketplaces. Além da loja virtual própria, é muito importante que os empreendedores vendam seus produtos também por meio de marketplaces, expandindo assim as suas chances de vendas.

Os marketplaces são mantidos por grandes marcas, que por sua vez estão o tempo todo atentas ao mercado. Além disso, esses grandes players investem bastante em publicidade e, com isso, atingem um número impressionante de consumidores. Dessa forma, se planejar para vender em marketplaces torna-se uma ação crucial e com grandes chances de dar certo, pelos motivos que apresentamos e muitos outros.

Procure se informar sempre sobre as tendências do mercado

Em um mercado tão dinâmico e competitivo como o e-commerce, nada melhor do que pesquisar e se informar sobre as tendências do ano para o setor, não é mesmo? Por isso, a busca por essas informações precisa nortear o seu trabalho na elaboração de um planejamento eficiente para sua loja virtual.

Em um artigo que produzimos em nosso blog, destacamos as principais tendências do e-commerce para 2022. Assim, sabendo o que estará em alta neste ano, o lojista pode se programar e criar boas estratégias para agradar seus clientes e alavancar bastante as vendas da loja virtual. 

Portanto, saiba o que será tendência em 2022 e avalie quais desses pontos são possíveis de implantar em seu negócio!

Faça bom uso do omnichannel nas estratégias da sua loja

Sabemos que quanto mais facilidades os seus clientes tiverem na jornada de compra, mais satisfeitos ficarão com a sua loja. Nesse cenário, as estratégias de omnichannel entram como uma solução ideal para isso, já que promovem mais possibilidades para os consumidores e mais economia para seu negócio.

Por exemplo, ao permitir que eles comprem em sua loja virtual e retirem o produto na loja física, ou em algum outro ponto de distribuição próximo a esses consumidores, você obtém grandes benefícios. Além de gerar a satisfação do cliente, possibilitando que ele tenha acesso às mercadorias de forma mais rápida, você diminui bem os custos operacionais e logísticos do seu e-commerce.

E então, viu só como é possível fazer um planejamento para e-commerce bem eficiente nos dias de hoje? Apesar de o mercado se apresentar muito instável e com um cenário cheio de mudanças, você pode sim fazer a diferença em sua área de atuação e se planejar de maneira assertiva para o ano.

E caso necessite de um suporte de qualidade para todas as demandas do ano, conte com a JN2! Aqui, você encontra diferentes serviços para todas as áreas da sua loja virtual, como a criação de plataformas para e-commerce, suporte técnico, integração nativa a marketplaces, personalização da sua loja online e muito mais!

Converse melhor com um de nossos especialistas e entenda como podemos fazer a diferença para o seu negócio! Até breve!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

E-book Como Abrir uma Loja Virtual